domingo, 29 de setembro de 2013

WIKIBIER NO PARQUE BARIGUI


O mundo cervejeiro, gastronomia e música em um só lugar: essa é a proposta do Wikibier, que já reuniu mais de 6 mil sedentos desde que nasceu, em 2011. De la pra cá, nosso lema é festejar.

O Festival Cervejeiro em sua 3ª edição.

* Espaço

Este ano, nosso festival acontece em um dos lugares mais queridos do povo curitibano: no coração do Parque Barigui. Com 5 mil metros quadrados, o Expo Renault é garantia de conforto, espaço e aconchego para nossa celebração.

* Atrações

No Wikibier é assim: chegando ao pavilhão, você ganha uma caneca exclusiva que será seu passaporte ao mundo dos sabores . Dai, é só parar em seus stands e minipubs favoritos, estender o braço e escolher a bebida, dentre mais de 150 rótulos disponíveis. Enquanto degusta sua cerveja, a música rola solta no palco do evento, e barraquinhas gastronômicas te convidam à harmonização.

* Crianças

Os menores também são bem vindos a nossa festa, acompanhando seus papais e mamães cervejeiros. Pensando neles, o Wikibier preparou um cantinho todo especial de recreação, com espaço de jogos e brincadeiras para brindar a infância.

Você pode comprar os seus ingressos e consumação antecipada pelo site ou nos pontos de venda. 

Informações e contato:

(41) 3078 2414
contato@wikibierfestival.com.br

Mais informações: http://wikibierfestival.com.br/

Out 12 2013 às 11:00
HoraOut 12 2013 às 11:00 - Out 12 2013 às 23:00

Caminhada incentiva o exercício físico regular contra os males do coração


O Hospital Cardiológico Cons­tantini promove neste domingo, Dia Mundial do Coração, a 9ª Caminhada do Coração, em Curitiba. O passeio terá largada na Praça do Japão, às 9 horas, com destino ao Parque Ba­ri­gui

O evento visa incenti­var o exercício físico regular, uma das mais eficientes ferra­men­tas para evitar doenças car­diovasculares, responsáveis por 300 mil mortes, todos os anos, no Brasil. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), estima-se que o país esteja em primeiro lugar no ranking das doenças cardiovas­culares em 2040. 

Um estudo da Universidade Estadual de Cam­pinas (Unicamp) revelou que 70,9% dos idosos não realizam nenhum tipo de atividade física. Daí a importância de atividades como a Caminhada do Coração.

Fonte: Gazeta Maringa

sábado, 28 de setembro de 2013

DICA PARA QUEM GOSTA DE BLUES E JAZZ

Sabrina Blues Mendes se apresenta no Full Jazz neste final de semana
Neste final de semana, 27 (6ª feira) e 28 de setembro (sábado), a partir das 20h30, a artista Sabrina Blues Mendes se apresenta com o grupo Ginger Pepper & Her Hound Dog’s no Slaviero Full Jazz Bar.


Buscando uma sonoridade agradável, diferenciada e genuína dentro de dois grandes gêneros musicais mundialmente consolidados, a cantora de Blues e Jazz, Sabrina Blues Mendes, realiza um show que passa por importantes nomes do Delta Blues e do Blues New Orleans como Robert Johnson e Bessie Smith, até gigantes do Blues Chicago - era do “blues elétrico”- tais como Willie Dixon, Little Walter e Muddy Watters.

Passeando pelo sofisticado Jump Blues de T. Bone Walker, até chegar no jazz cantado por Louis Armstrong, Ray Charles e grandes divas como Etta James, Billie Holiday, Nina Simone e Sarah Vaughan.

No repertório, canções já consagradas em releituras marcadas por um estilo próprio, repleto das mais diversas influências, fruto da constante pesquisa musical e histórica da artista. O resultado é uma experiência nova para o ouvinte, dotada de uma atmosfera leve, intimista e pulsante. Show onde a interpretação original de cada clássico, com suas “blue notes”, criam uma atmosfera envolvente que conduz os convidados diretamente ao universo vibrante e intenso do Blues e do Jazz.

Integram o grupo Sabrina Blues Mendes (voz), Leonardo Montenegro (guitarra) e Wagner Bennert (contrabaixo acústico).

Sabrina Mendes já participou do Festival No Improviso Jazz & Blues (Julho, 2013), Sesc Paco da Liberdade (Abril e Maio, 2013) e fez longa temporada no Clube do Malte (Outubro, 2012 a Abril, 2013).

Serviço:

Blues Mendes e Ginger Pepper & Her Hound Dog’s
Data: 27 e 28 de setembro
Horário: 21h30
Local: Slaviero Full Jazz Bar (Rua Silveira Peixoto, 1297 I Batel)
Tel.: (41) 3312-7030
Ingresso: R$20,00
Informações: www.fulljazzbar.com.br

Fonte: Sorttie Soluções Criativas
Maria Amin I (41) 9982-8240 I maria@sorttie.com.br
Juliana Ceccatto I (41) 8883-0194 I juckto@sorttie.com.br
(41) 3024-8003 I contato@sorttie.com.br

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Semana do idoso começa com várias atividades


Atividades de cultura e lazer, caminhada, campanha de saúde, cerimônias religiosas, palestras, jogos adaptados e oficinas serão realizadas em Curitiba e no interior para comemorar a Semana Estadual do Idoso de hoje até a próxima quinta-feira. Promovida pelo Conselho Estadual do Idoso, a semana coincide com o Dia Nacional e Internacional do Idoso, comemorado em 1º de outubro. 


“Todos os municípios do Paraná estão sendo chamados para desenvolver atividades que venham ao encontro das necessidades dos cidadãos, para que sejam atendidos com a devida atenção e respeito”, afirma a presidente do Conselho Estadual, Bernadete Dal Molin Schenatto.

Um dos destaques das atividades é a Marcha dos Cabeças Brancas, no dia 1º de outubro, em Curitiba. A concentração é ao lado do Salão de Atos do Parque Barigui. A realização é do Fórum Popular Permanente da Pessoa Idosa de Curitiba, Região Metropolitana e Litoral.

Caminhada

Amanhã, o Hospital do Idoso Zilda Arns promove a Caminhada da Saúde. A atividade é aberta a toda população e marca o início da programação da Semana do Idoso. A concentração será na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Pinheirinho com saída às 9 horas.

Fonte: Bem Paraná


quinta-feira, 26 de setembro de 2013

12 passeios ao ar livre para fazer com as crianças pelo Brasil

A primavera está chegando e nada melhor do que tirar as crianças de casa e fazer passeios em família aproveitando o sol e as flores da estação!


(Foto: Reprodução/Crescer)
Com a chegada da primavera nada melhor do que tirar as crianças de casa e fazer passeios em família aproveitando o sol e as flores da estação!

CURITIBA

Jardim Botânico

As crianças vão adorar passar um dia no Jardim Botânico, cartão-postal de Curitiba. O grande destaque é a estufa, uma estrutura de ferro e vidro de três andares inspirada em um palácio londrino do século 19. Lá dentro, estão protegidas espécies de plantas mais delicadas, todas nativas do Brasil. O espaço também tem um jardim, uma pequena cachoeira, um museu e o Jardim das Sensações, um local em que a criançada pode tocar e cheirar flores e plantas de diferentes espécies.

Serviço
Endereço: Rua Engenheiro Ostoja Roguski - Jardim Botânico
Telefone: (41) 3362-1800

Parque Barigui

O parque ganha esse nome por conta de seu lago, formado por águas do Rio Barigui. A área verde é enorme e as crianças se divertem nos parquinhos, trilhas, quadras e quiosques. Outra atração interessante para os pequenos é o Museu do Automóvel de Curitiba, com mais de 80 veículos antigos, entre carros, motos e bicicletas. O destaque é o Ford T Sport Runabolt, de 1926.

Serviço
Endereço: Rodovia do Café (BR 277), km 0, Santo Inácio
Telefone: (41) 3339-8975

SÃO PAULO

Fazendinha Estação Natureza

Se o seu filho adora animais, uma boa pedida é levá-lo até a Fazendinha Estação Natureza. Por lá, as crianças entram em contato com bichos típicos das fazendas, como vacas, cavalos, cabras, galinhas, porcos e patos. Além de alimentarem os animais, ainda aprendem sobre os hábitos dos bichinhos e ficam por dentro de lições sobre meio ambiente. As visitas para famílias acontecem aos sábados, domingos e feriados. Durante a semana, o espaço é reservado para escolas e grupos.

Serviço
Endereço: Av. Washington Luiz, 4221, Brooklin.
Telefone: (11) 5034-2728

Cidade das Abelhas

Em Embu das Artes, cidade próxima a São Paulo, as crianças têm um ótimo programa: conhecer a vida das abelhas. A Cidade das Abelhas é um parque com museu, colmeia gigante, casa do apicultor, apiário e enxame com paredes de vidros. Lá, as crianças aprendem como acontece a produção do mel e qual é a importância das abelhas para a natureza. Além disso, a meninada pode se aventurar no “Arbelhismo”, pontes aéreas entre árvores que levam as crianças para escorregadores, balanços, pula-pula, tobogãs, cama elástica e para a casinha da abelha.

Serviço
Endereço: Estrada da Ressaca, Km7 - Embu das Artes
Telefone: (11) 4703-6460

Parque Alfredo Volpi

Se você quer levar seus filhos para um passeio ao parque, mas enjoou um pouquinho do Ibirapuera, o Parque Alfredo Volpi, no Morumbi, é uma ótima opção. O espaço de 142.000 m² tem trilhas com animais silvestres, pássaros e plantas nativas de São Paulo e três lagos alimentados por uma nascente. Além das trilhas, há pistas de cooper e um parquinho com balanços e gangorras para que as crianças possam brincar.

Serviço
Endereço: Rua Engenheiro Oscar Americano, 480 – Morumbi
Telefone: (11) 3031-7052

RIO DE JANEIRO

Parque Lage

Pertinho do Jardim Botânico e próximo ao Morro do Corcovado, o Parque Lage é um local lindo para as crianças curtirem a natureza. Com 52 hectares, era uma antiga fazenda e foi transformado em parque nos anos 1960. O casarão, que era a sede da fazenda, hoje abriga uma escola de artes e um café. Os visitantes podem fazer piquenique, passear pelos jardins geométricos, explorar pequenas grutas e se aventurar por trilhas – uma delas chega até o Cristo Redentor. Há também aquário, lago com patos e vários banquinhos pra descanso.

Serviço
Endereço: Rua Jardim Botânico, 414 – Jardim Botânico
Telefone: (21) 3257-1800

Haras Pegasus

O seu filho é louco por cavalos? Então vai adorar passar um dia no Hara Pegasus, em Vargem Grande, um local dedicado à equitação. Além de aulas tradicionais, o Haras oferece atividades como passeios de charrete, em pôneis e cavalgada por trilhas em meio ao Maciço da Pedra, região da Mata Atlântica. É preciso agendar com antecedência, pois existe um calendário fixo para cada atividade.

Serviço
Endereço: Estrada dos Bandeirantes, 24.845 - Vargem Grande
Telefone: (21) 2428-1228

BELO HORIZONTE

Mata das Borboletas

Em meio a uma área verde de 35 mil m², a Mata das Borboletas é um parque com trilhas ecológicas, um laguinho artificial e duas nascentes. As crianças podem brincar ao ar livre e observar pássaros e borboletas, claro! A vegetação é nativa, com muito ipê, amoreira e ingá. Aproveite uma tarde de domingo para mostrar aos seus filhos a importância da preservação do meio ambiente.

Serviço
Endereço: Rua Assunção, 450 – Sion
Telefone: (31) 3277-7758

Parque das Águas

Com projeto do artista plástico e paisagista Roberto Burle Marx, o Parque das Águas faz parte do Complexo Ecológico Serra do Rola-Moça e é um lugar perfeito para um fim de semana em família ao ar livre. O local oferece trilhas para caminhadas, playground para os pequenos, um laguinho e várias nascentes. Leve seus filhos para uma caminhada em meio à vegetação típica do cerrado brasileiro.

Serviço
Endereço: Avenida Ximango, 809 - Flávio Marques Lisboa
Telefone: (31) 3277-5968

PORTO ALEGRE

Pampa Safári

Esse passeio é ao ar livre, mas sem sair do carro. No Pampa Safári, as crianças entram em contato com mais de duas mil espécies de animais selvagens em um divertido trajeto – o parque é o maior desse tipo na América do Sul. No caminho de 10 quilômetros, os pequenos conseguem observar zebras, macacos, hipopótamos, camelos e aves.

Serviço
Endereço: Rodovia Rs-020, 5680 / Km 11 – Neópolis, Gravataí
Telefone: (51) 3488-1823

FLORIANÓPOLIS

Parque Municipal Lagoa do Peri

Conhecido como Lagoa do Peri, o parque é um dos locais mais bonitos de Florianópolis. Afinal, está pertinho da praia de Armação do Pântano do Sul e do Morro das Pedras. A lagoa que batiza o parque tem 5 quilômetros de extensão e é a maior lagoa de água doce do litoral de Santa Catarina. A criançada vai adorar o passeio, pois a água é bem calma e limpa – ótima para banhos. Vocês também podem fazer passeios de barco e de caiaque ou caminhar em uma das trilhas ecológicas.

Serviço
Endereço: Estrada Francisco Thomas dos Santos, 3150 / Km 03 - Pântano do Sul
Telefone: (48) 3237-5660

RECIFE

Instituto Ricardo Brennand

O escultor Ricardo Brennand abre as portas de sua propriedade no Recife para todo o público – e as crianças são muito bem-vindas. Lá, os pequenos podem passear pelos jardins cheios de esculturas gigantescas de Brennand e ainda ver o acervo de arte do Castelo, uma imponente construção de tijolos. Monitores podem acompanhar os grupos e contar a história da casa, muito ligada à cultura nordestina.

Serviço
Endereço: Alameda Antônio Brennand, São João – Várzea
Telefone: (81) 2121.0352

Fonte: Revista Crescer

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

No Dia Mundial do Coração, Curitiba promove caminhada


A Caminhada do Coração, evento anual em celebração ao Dia Mundial do Coração no dia 29 de setembro, domingo, terá grande adesão da terceira idade, neste ano, com a participação do Clube Nissei da Melhor Idade. Realizado pelo Hospital Cardiológico Constantini, o passeio terá largada na Praça do Japão, às 9h, com destino ao Parque Barigui, nem Curitiba.

A participação do Clube Nissei da Melhor Idade na Caminhada do Coração reforça os objetivos do clube de relacionamento da rede de farmácias, que tem como propósito incentivar a prática de atividades físicas nos idosos, melhorar a qualidade de vida e estimular o convívio social.

Atividades Regulares

O exercício físico regular é uma das mais eficientes ferramentas para evitar doenças cardiovasculares, responsáveis por 300 mil mortes, todos os anos, no Brasil. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), estima-se que o Brasil esteja em primeiro lugar no ranking das doenças cardiovasculares em 2040.

Estudo

Um estudo da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) revelou que 70,9% dos idosos brasileiros não realizam nenhum tipo de atividade física. Segundo o professor de Educação Física da UniBrasil, Rodrigo Cribari Prado, realizada de maneira sistemática (pelo menos quatro vezes por semana), a caminhada ajuda no controle da hipertensão arterial, aumenta o HDL (colesterol bom), reduz a obesidade e os triglicerídeos, proporciona melhor controle dos níveis glicêmicos (taxa de açúcar no sangue), previne a doença arterial coronariana e diminui o risco de morte.

Fonte: Jornal do Povo

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Dez bons motivos para deixar de comer frituras e beber refrigerante

Aumento da pressão arterial, acúmulo de gordura abdominal, resistência à insulina, obesidade e doenças como câncer têm causas na alimentação.

A combinação preferida do fasta food agride do coração aos ossos
(Foto: Getty Images)

As frituras são saborosas, por isso não é fácil eliminá-las da dieta. Mas saber que fazem mal torna o desafio mais simples. Conheça os efeitos negativos dessa forma de preparo tão freqüente à mesa dos brasileiros.

1) Até os óleos vegetais de boa qualidade se transformam em gordura ruim quando aquecidos. Não basta prestar atenção ao óleo utilizado, é preciso fritar os alimentos pelo menos tempo possível para reduzir os danos.

2) O óleo reutilizado se transforma em gordura transaturada, a famosa gordura trans, que está diretamente relacionadas às doenças cardiovasculares. Em casa, jamais reutilize o óleo da fritura para outros alimentos.

3) A fritura pode promover a formação da substância acroleína, que é altamente cancerígena.

4) Os alimentos fritos tem características inflamatórias, ou seja, podem trazer acúmulo de gordura abdominal e resistência à insulina, fazendo com que você se sinta mais cansado, com menos energia, passe a ser menos fértil e absorva menos os nutrientes dos alimentos.

5) Gorduras encontradas nas frituras, quando consumidas em excesso, podem causar aumento da pressão arterial.

Companheiro fiel das batatas fritas e hambúrgueres, o refrigerante só piora a equação entre a alta quantidade de calorias e o baixo valor nutricional. Mesmo em versões diet, é fácil elencar cinco motivos para tira-lo da dieta.

1) Um dos componentes dos refrigerantes tipo cola é o ácido fosfórico ou fósforo, que elimina o cálcio dos ossos, deixando-os mais fracos. Isso leva a um maior o risco de osteoporose, principalmente em mulheres.

2) O consumo em excesso de bebidas adoçadas leva à obesidade que, por sua vez, aumenta os riscos de outras doenças, como diabetes, câncer e problemas cardíacos. No caso dos refrigerantes o agravante é que são calorias vazias, sem valor nutricional.

3) O organismo gasta nutrientes para conseguir eliminar a ingestão da química presente no refrigerante do corpo, sendo a versão diet ainda pior pela grande quantidade de adoçante artificial.

4) Quando consumido junto às refeições, o refrigerante dificulta a absorção de fósforo, ferro e cálcio contidos nos alimentos.

5) Todos os refrigerantes, diet ou normais, possuem grande concentração de sódio, que pode provocar um aumento da pressão arterial.

* As informações e opiniões emitidas neste texto são de inteira responsabilidade do autor, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do Globoesporte.com / EuAtleta.com. (Fonte)

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Avaliação física fornece informações valiosas para quem pratica exercício


Ela proporciona o diagnóstico de qualquer problema médico que inspire maior atenção, além de trazer informações que auxiliam no treinamento
A ergoespirometria associa o teste de esforço com a medida de oxigênio (Foto: Agência Getty Images)


Os procedimentos que constituem o processo de avaliação física podem fornecer valiosas informações para o corredor e para os praticantes de atividades físicas de um modo geral. O que ocorre é que nem sempre o conceito de avaliação é praticado com os elementos que se tornam realmente úteis. Os propósitos corretos de uma avaliação física bem feita devem proporcionar o diagnóstico de qualquer problema médico que inspire maior atenção, além de trazer informações que auxiliem o treinamento, melhorem o desempenho e previnam lesões. 

O que tem ocorrido nos últimos tempos é uma certa banalização dos procedimentos de avaliação física, principalmente em algumas academias, onde fazer uma avaliação física se resume em medir dobras cutâneas, fazer um teste simples de flexibilidade e geralmente pedalar em uma bicicleta ergométrica medindo frequência cardíaca. 

Os procedimentos de uma avaliação física adequada devem incluir: 

ERGOESPIROMETRIA 

Teste que associa o eletrocardiograma de esforço com a medida do consumo de oxigênio, proporcionando não só elementos para diagnóstico clínico, como também os índices que podem auxiliar na adequação da intensidade do treino e melhora do desempenho, como o consumo máximo de oxigênio e o limiar anaeróbico. 

AVALIAÇÃO BIOMECÂNICA 

Diagnóstico funcional da execução do movimento, como a análise da corrida e da marcha, proporcionando elementos para correções posturais e eventualmente o próprio diagnóstico de incorreções da pisada. 

AVALIAÇÃO DO EQUILÍBRIO MUSCULAR 

Teste que proporciona o diagnóstico de um dos problemas mais frequentes dos praticantes de atividades físicas, que é o desequilíbrio de forças entre grupos musculares. A existência destes desequilíbrios é a principal causa da maior incidência de lesões musculares e articulares. O chamado teste isocinético proporciona elementos para correção deste quadro prevenindo de lesões além de proporcionar sensível melhora de desempenho. 

A utilização destas informações pode proporcionar ao praticante de atividades físicas uma segurança muito maior e a obtenção de melhores resultados, tanto na promoção de saúde como na melhora do desempenho, que certamente são os propósitos de quem pratica exercícios de maneira consciente.Além dos procedimentos citados, a avaliação física se associa com a avaliação nutricional com orientação de dieta, uso de suplementos nutricionais e diagnóstico de composição corporal, proporcionando um quadro mais abrangente de informações e orientações. 

* As informações e opiniões emitidas neste texto são de inteira responsabilidade do autor, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do Globoesporte.com / EuAtleta.com. (Fonte)

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Um domingo de Skate no Parque Barigui

Foto da AMIGA DO PARQUE BARIGUI CAMILA TUCUMANTEL - Longboarding
Nada mais justo que um domingo de muito sol, skate e amigos no parque. Para isso, a marca curitibana de skate Orek convida a todos os skatistas de Curitiba para participar de um rolê no Parque Barigui. No próximo domingo (18) acontecerá um encontro onde todos os skatistas poderão aproveitar a tarde andando de skate, se reunindo com os amigos, conhecendo novas pessoas, aprendendo novas manobras e muito mais!

Não esqueça de convidar os seus amigos, trazer seu skate e seus equipamentos de segurança para aproveitar esse rolê! A concentração irá acontecer no “Cotovelo”, ladeira da rua sem saída do Parque Barigui.

Serviço:

Local: Parque Barigui

Endereço: Rodovia do Café (BR 277), km 0, Santo Inácio

Data e horário: Dia 22 de Setembro de 2013 (domingo), às 13h

Preço: Entrada Franca

Fonte: Bem Paraná

quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Série de exercícios intensos seduz com ideia de boa forma em sete minutos

Conquistar o máximo de resultado com o mínimo de investimento é o sedutor apelo de uma série de exercícios que vem ganhando fama na internet recentemente.

Trata-se de um programa desenvolvido por dois especialistas em treinamento do Human Performance Institute, de Orlando (EUA), voltado para quem tem pouco tempo e não está disposto a investir em academia nem em equipamentos de exercício.

Depois de analisarem uma série de estudos sobre treinamento e boa forma, Brett Klika e Chris Jordan publicaram na edição de maio/junho da revista técnica "Health & Fitness Journal" um artigo apresentando um tipo de treinamento de "alta intensidade" com "uso do peso corporal".

Além de explicar a base científica do plano, o estudo propõe combinar exercícios aeróbicos (como corrida no lugar) com exercícios de resistência/força (como flexão de braço). Cada um é realizado por 30 segundos, em alta intensidade (tentando o máximo possível de repetições), e o intervalo de recuperação é de apenas 10 segundos.

Noves fora, o pacote todo dura apenas "aproximadamente sete minutos", conforme o texto descreve. O circuito pode ser repetido duas ou três vezes, dependendo do condicionamento do atleta e do tempo disponível.

Foi o que bastou para ser apelidado de "treino científico de 7 minutos" em texto no "New York Times" e, a partir dali, em uma fieira de lugares, do internético "Huffington Post" ao britânico "Daily Mail", e em publicações especializadas em boa forma.

Há vídeos gratuitos mostrando como executar a série e aplicativos com cronômetros digitais para monitorar a execução da tarefa.

Não se trata, porém, de uma série para prover força ou resistência específica para um esporte, destacam os autores: "Esse tipo de programa oferece uma boa opção para ajudar pessoas ocupadas a melhorar a saúde e enfrentar o estresse".

Monitorado pela treinadora Vivian Casagrande, 37, mestre em bioquímica do exercício pela Universidade de São Paulo, testei o pacote. Para garantir que eu fizesse os exercícios o mais rápido possível, Casagrande cronometrava as sequências e, nos intervalos, me avisava qual seria o exercício seguinte.

A primeira constatação: não é um circuito de apenas sete minutos. O tempo mínimo, no papel, é de sete minutos e 50 segundos, mas basta piscar ou pensar na morte da bezerra para que a transição dure mais que dez segundos.

Levei dez minutos e 20 segundos para completar a sequência, sem conseguir uma boa execução. Isso porque a série inclui alguns exercícios unilaterais; devem ser executados uma vez com cada perna, o que aumenta o tempo do circuito.

CONTRAINDICAÇÕES

Mesmo assim, entrar em forma com um programa de exercícios de menos de 15 minutos que não custa nada é altamente sedutor. Há, porém, diversas contraindicações, como assinalam os criadores do circuito: "É preciso cuidado ao propor treinamento de alta intensidade para pessoas mais velhas ou obesas, candidatos destreinados, com lesões anteriores ou problemas de saúde; os exercícios isométricos não são recomendados para quem tem hipertensão ou problemas cardíacos".

Para Casagrande, os exercícios, "são muito complexos para serem feitos sem orientação e supervisão". No teste, por exemplo, tive trabalho para fazer direito o exercício que combina flexão de braço e rotação do corpo.

O próprios autores alertam: "Ao tentar fazer tudo da forma mais rápida possível, o aluno corre o risco de fazer os exercícios de forma inadequada, aumentando a chance de lesão". De um jeito ou de outro terminei a série com os músculos pulsando, o corpo suado e a boa sensação de ter o dever cumprido.


Fonte: Folha de São Paulo - por RODOLFO LUCENA

Atividade física e o sexo: dose certa de exercício pode melhorar 'apetite'


Fisiologista Turibio Barros enumera benefícios que a corrida proporciona à saúde mental, aumento da autoestima e maior qualidade da prática sexual

A prática da corrida e de outras formas de atividade física proporcionam grandes benefícios para a saúde física e mental. Dos muitos benefícios cientificamente comprovados, a melhora da vida sexual é sempre lembrada. Vários estudos científicos já foram conduzidos com o objetivo de investigar os benefícios da corrida para a “qualidade e quantidade da atividade sexual”.


Atividade física e o sexo: dose ideal de exercício pode melhorar o 'apetite' (Foto: Agência Getty Images)

O que parece ser uma espécie de desafio é encontrar a “dose ótima” de exercício para a melhora do sexo. Um estudo conduzido na Universidade da Califórnia- San Diego, comparou o benefício da corrida para a vida sexual em dois grupos de voluntários. O primeiro grupo era submetido à um programa de corrida em intensidade moderada durante 60 minutos 4 dias por semana. O segundo grupo fazia caminhada leve percorrendo distâncias mais curtas com a mesma frequência semanal.
Se a sua vida sexual não está satisfatória, corra que ela melhora!"

Os indivíduos do primeiro grupo relataram significativa melhora na qualidade da vida sexual, tanto em relação à libido quanto ao “vigor” no sexo. Os indivíduos do segundo grupo, não relataram melhora na qualidade ou frequência na vida sexual. Entretanto, outros estudos demonstraram também melhora da vida sexual como consequência de programas de exercícios mais moderados. Um recente estudo publicado no “International Journal of Obesity” relatou que mulheres com sobrepeso que perderam peso praticando caminhada, tiveram sensível melhora na qualidade do sexo, inclusive com aumento da incidência de orgasmos .

Um estudo desenvolvido por pesquisadores do New England Research Institute nos EUA estudou um grupo de 600 homens de meia idade ao longo de um período de oiti anos. Os homens que praticavam corrida regularmente durante este período não relataram nenhum problema de impotência, enquanto os de vida sedentária apresentavam vários episódios de perda de vigor sexual e impotência.

Os mecanismos fisiológicos que explicam a melhora do sexo com a prática de exercícios, apresentam várias interpretações científicas. Nos homens a prática de exercícios comprovadamente está relacionada com o aumento da testosterona ou com a atenuação da sua redução com a idade. Tanto nos homens como nas mulheres, a prática de exercícios físicos regulares proporciona melhor perfusão sanguínea para os órgãos genitais como cosequência da melhora da saúde dos vasos sanguíneos. Também são relatados benefícios hormonais e de liberação das endorfinas como consequência de exercícios mais prolongados.

Certamente existe também o benefício da melhora da autoestima e da saúde mental que o exercício proporciona, contribuindo para melhor qualidade do sexo. Portanto, se sua vida sexual não está satisfatória, corra que ela melhora!

* As informações e opiniões emitidas neste texto são de inteira responsabilidade do autor, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do Globoesporte.com / EuAtleta.com.
Turibio Barros (Foto: Editoria de Arte / EUATLETA.COM)

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

DESAFIO EM PROVA DE CULINÁRIA por MARIAN GUIMARÃES



Cursos de culinária estão em alta. Alguns interessados procuram para apender o trivial variado. Outros buscam se aperfeiçoar na arte da gastronomia graças aos segredos dos grandes chefes. E as aulas de forno e fogão deixam de ser modismos para virar tendência.

Mas obter para o diploma de "chef de cuisine" é preciso passar por provas. Afinal, o curso é longo e feito por módulos. Cada um desses módulos precisa de aprovação.

Foi assim que ontem - 05 de setembro - (matéria publicada no blog da Marian Guimarães em 06/09/13) juntamente com Marcio Silva, diretor do Espaço Gourmet Escola de Gastronomia, o chef José Serra e a jornalista Aline Cambuy, participipamos do juri da prova referente ao módulo 6 - Cozinha Criativa, do curso Chef de Cuisine Modular do Espaço Gourmet. 

Quando, antecipadamente, soube da surpresa que o chef/orientador Dyogo do Prado havia preparado para os alunos, tive pena e receio do que estava pela frente. Eles não sabiam, mas iriam cozinhar em uma churrasqueira do Parque Barigu.

Desafios e criatividade

Para os alunos, tudo começou na terça-feira quando foram orientados a fazerem um cardápio: entrada, prato principal e sobremesa, para a prova final. O grupo teria R$ 150 para as compras no Mercado Municipal. 

Mas, na quarta-feira, o chef Dyogo do Prado informou que fizessem outro cardápio e que o frango teria que estar no prato principal. Tudo mudado, foram para o Mercado, depois para a escola, e iniciaram os preparativos para a prova do dia seguinte. 

Preparam a massa do macarrão que entraria no prato principal. Fizeram a revisão do cardápio que constou de: Entrada - endívias ao blue cheese e nozes; Prato principal - frango à cacciatore com fettuccine; Sobremesa- trufa de pralina. Na oportunidade ficaram sabendo que o chef José Serra um dos jurados, era diabete e deveriam fazer uma sobremesa diferenciada para ele. Mais um desafio, pois tudo já estava comprado e deveriam utilizar o que tinham.

A equipe foi definida: Vanessa Farias - Chef; Samantha e Jessyca - Sous chef; Fábio Kolut - Garde manger; Alessandra Becker e Sheila Morais - Tourier -massas; Maisa Arrata e Gabriella Aragão - Auxiliares; João Santos e Fabi Costa - Patissier; e Carla Franzo - Maitre.

Quinta-feira prova final. Os alunos teriam duas horas para preparar o almoço que deveria ser servido às 12h. Porém, quando chegaram a escola que ficaram sabendo que iriam cozinhar em uma churrasqueira do Parque Barigui



O chef José Serra observava tudo discretamente.



A churrasqueira não tinha grelha. As panelas foram colocadas em cima de espetos. Tudo improvisado.



A fumaça não dava trégua. O maior problema era controlar o fogo. O almoço tinha que sair e o chef Dyogo do Prado combrando horário.


Mesas improvisadas serviam de apoio. O planejamento foi fundamental para que tudo saísse no horário.



Ao meio-dia o almoço estava pronto. De entrada, endívias ao blue cheese e nozes.



O frango à cacciatore com fettuccine estava muito bom para meu paladar. Aromático e saboroso. Os alunos tiveram a preocupação de, ao servir, esquentarem o prato.



De sobremesa, trufa de pralina, excelente.


Para o chef José Serra, frutas selecionadas e com bonita apresentação.



O vinho que acompanhou foi o italiano Chianti, da Villa Fabrizia. Um tinto seco, de boa acidez, nada enjoativo. Álcool muito bem integrado.



A foto histórica do grande desafio. Parabéns à equipe de novos "chefs" e, principalmente, ao Espaço Gourmet Escola de Gastronomia. Foto: Marian Guimarães.


Fonte: Blog daMarian Guimarães
Fotos: Marian Guimarães.

VISITE O BLOG DA MARIAN GUIMARÃES - http://marianguimaraesemblog.blogspot.com.br

domingo, 15 de setembro de 2013

Menos de um mês para KONA com a LUCA GLASER


Triatleta há 13 anos, formada em administração de empresa, iniciando especialização em marketing e marketing esportivo nossa AMIGA DO PARQUE BARIGUI LUCA GLASER têm agora um novo desafio, está inscrita para o Ironman 2013! A menos de um mês para a mais importante prova de triathlon do Mundo! 

"Estou na preparação para o Mundial de Ironman que acontece no Havaí dia 12 de outubro. em menos de um mês estarei entre os melhores atletas do mundo na meca do triathlon, esporte que eu pratico há 14 anos! Um sonho precoce que agarrei a oportunidade e me preparo para o grande dia. Através do meu blog (www.lucaglaser.com.br) e da Fan Page ( Facebook.com/lucaglasertriatleta)muitos atletas acompanham a minha preparação para a prova. Segue o vídeo feito pelo fotógrafo Diego Cagnato, para contagem regressiva para a prova, com um clima super havaiano com a trilha sonora da Big Island, vale a pena conferir: http://www.youtube.com/watch?v=V82nxFdzH6o. Conto com a divulgação de vocês!"  Comunica ao amigos do blog, Luca. 

O blog AMIGOS DO PARQUE BARIGUI deseja todo sucesso e estará acompanhando de perto mais esta super prova da nossa Campeã LUCA GLASER.

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Parque Barigui recebe pedalada elétrica no próximo dia 15


No próximo domingo (dia 15), a E-Leeze realiza uma pedalada elétrica em Curitiba. O passeio será guiado e, ao todo, serão rodados aproximadamente 20 quilômetros com uma parada no parque Barigui. O objetivo da pedalada é divulgar a bicicleta como uma solução de transporte e lazer para as cidades. Aliás, o modal é apontado como solução para o trânsito por especialistas em mobilidade urbana.

A concentração acontecerá às 9 horas na sede da empresa (Rua Humberto Carta, 96, esquina com Dr. Goulin, no Hugo Lange) e o início da pedalada está agendado para 10 horas. Antes, será servido um café da manhã saudável.

Serviço
Pedalada Elétrica E-Leeze
Quando: Dia 15 de setembro (domingo).
Horário: Concentração às 9 horas. Início do passeio ocorre às 10 horas.
Inscrições: Inscrições estão encerradas devido à alta procura.

Fonte: Bem Paraná

Sábado!!!! Aulão de Yoga no Parque Barigui aberto ao público


Será realizado no dia 14 de setembro (sábado), às 10h um aulão de Yoga(Swásthya Yoga). O evento será realizado próximo ao gramado da Casa Amarela. Aberto ao público, o aulão tem como objetivo estimular a pratica de exercícios físicos.

De acordo com Márcia Leinig coordenadora de Ginastica da Corpus Academia cada vez mais as pessoas estão buscando saúde e qualidade de vida. Realizar aulões aberto ao público é uma grande oportunidade para levar qualidade de vida às pessoas.

Marcia ressalta ainda que a Yoga trabalha o corpo e a mente, proporcionando incríveis resultados como a melhora na flexibilidade, força, condicionamento físico, equilíbrio interior, paz espiritual que fazem bem ao organismo

Então não fique parado, venha participar do aulão!!

Obs: Caso chova, o evento será transferido.

Serviço:
O que: Aulão de Yoga
Quando: Dia 14 de Setembro, às 10h
Onde: Próximo ao Gramado da Casa Amarela – Parque Barigui
www.academiacorpus.com.br

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Expo Vinhos ganha quinta edição em Curitiba



Os apreciadores dos bons vinhos têm encontro marcado em Curitiba. No próximo dia 23, acontece a quinta edição da Curitiba Expovinhos, feira que apresentará mais de 500 rótulos de 16 países, no Restaurante Maggiore, no Parque Barigui.

O evento vai reunir profissionais da área e apreciadores, para conhecer melhor grandes vinhos de diversos países. O formato será o de Wine Show, no qual os expositores apresentam seus produtos para a degustação, em contato direto com os visitantes, das 16h às 21h. As edições anteriores foram um sucesso e este ano a organização espera passar da casa dos mil participantes. Será a maior feira do segmento este ano na cidade. 

Os ingressos custam R$ 60,00 se comprados antecipadamente pelo site do evento (http://www.curitibaexpovinhos.com.br/) e R$ 70,00 se comprados na hora.

Serviço:

5º Curitiba Expovinhos
Data: 23/09, segunda-feira
Horário: das 16h às 21h
Local: Restaurante Maggiore
End.: Parque Barigui - Rod. Café, 0 Km
Informações: (41) 3335-3533

Capivara que vivia no Parque Barigui morre após ferimentos de causa desconhecida

Foto: Alexander Biondo/SMMA


Animal foi encontrado machucado na margem do lago e levado para atendimento veterinário na tarde de ontem, mas não resistiu


Uma capivara que vivia no Parque Barigui, em Curitiba, morreu no início da tarde da última terça-feira (10) após sofrer ferimentos de causa ainda desconhecida. O relato foi dado através de redes sociais pelo diretor do Departamento de Pesquisa e Conservação de Fauna da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), Alexander Biondo.


Segundo Biondo, a SMMA foi informada por transeuntes que o animal estava muito machucado às margens do lago do parque. A prefeitura resgatou a capivara, que foi encaminhada por volta das 13h para o Departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna, localizado no Passeio Público. O animal teria chegado ao local em estado grave e chegou a ser atendido, mas morreu pouco tempo depois.

Na manhã desta terça (11), a capivara foi encaminhada para necropsia no Serviço de Patologia Veterinária da Universidade Federal do Paraná (UFPR), para determinar o que teria provocado os ferimentos. O professor Renato Souza, que conduziu o exame, ainda não adianta o que teria matado o animal.

“Fizemos apenas um exame macroscópico, que passa informações importantes, mas precisamos de uma comprovação microscópica para termos certeza”, informou. Segundo ele, havia escoriações recentes e marcas de sangue, além de ferimentos antigos que podem não ter relação com a morte.

Possíveis causas

De acordo com Biondo, duas razões podem ter causado o óbito da capivara: ela pode ter sido atacada por outra, em um comportamento natural entre machos da mesma espécie, ou agredida por cães soltos que transitam pelo parque.

Biondo explica que o grupo familiar de capivaras é formado por um macho dominante e os chamados “machos satélites”. Estes, em geral, são submissos, e precisam lutar fisicamente com o dominante para ter acesso ao acasalamento com uma fêmea. O ferimento pode ter sido originado em uma destas disputas.

Outra causa de morte de capivaras nos parques e praças de Curitiba, segundo a prefeitura, são os ataques de cães soltos, que transitam com ou sem donos. De acordo com a SMMA, não há números precisos de quantas ocorrências são registradas, mas a prefeitura recebe relatos deste tipo de ataque.

É importante, segundo a SMMA, que as pessoas denunciem se virem um animal doméstico atacando os bichos nos espaços públicos de Curitiba.

Fonte: Gazeta do Povo

sábado, 7 de setembro de 2013

Nação 4x4 vai invadir Curitiba com o Motorsports e Outdoor de Rally


Mais uma vez a belíssima cidade paranaense de Curitiba recebe a Nação 4x4 para o rali de regularidade Mitsubishi Motorsports e o rali de estratégia Mitsubishi Outdoor. As provas serão dia 14 de setembro, sábado.


"Com certeza será uma etapa muito bonita, junto à natureza, com relevo desafiador. As duplas podem esperar muita aventura e diversão", adianta Corinna Souza Ramos, diretora de Projetos Especiais da Mitsubishi.

Rica em trilhas e com relevos bastante diversificados, Curitiba promete muita emoção para os competidores. "A prova largará do Parque Barigui e seguirá por estradas com piso de cascalho, com desafios para os valentes L200 e Pajero 4x4. As paisagens também são de tirar o fôlego", conta a diretora.

Esta será a quinta etapa do rali de regularidade. Os participantes das categorias Graduado (duplas mais experientes) percorrerão 200km, os daTurismo (experiência intermediária) 180km e os competidores da Turismo Light (iniciantes) farão 150km. A prova passará também pelos municípios de Campo Magro, Itaperuçu, Almirante Tamandaré, Rio Branco do Sul e Campo Largo.

Já o rali de estratégia Mitsubishi Outdoor levará a Nação 4x4 a explorar uma região ainda inédita, rumo ao interior do Paraná. Com relevo montanhoso e muita mata nativa, bem fechada, as equipes passarão por estradas de terra e encontrarão todo tipo de atividade esportiva e cultural. O contato com a natureza será intenso e deve ser possível avistar animais silvestres, como tucanos e outras aves.

A competição é dividida em duas categorias: Extreme, para os mais experientes, e Fun, para quem está começando. Nesta última, além dos veículos das linhas L200 e Pajero, podem participar também os crossovers ASX 4x4 e Outlander 4x4, que passarão por muitos trechos off-road, usando toda a potência e a tração dos veículos.

Mitsubishi Pró-Brasil - Ação Social A Nação 4x4 da Mitsubishi também está envolvida no espírito de solidariedade e cidadania. Com a ação social Mitsubishi Pró-Brasil, foram arrecadadas, até hoje, mais de 900 toneladas de alimentos, em doações através das inscrições, desde 1994. Para participar das provas, os competidores fazem a doação de 30 quilos de alimentos não perecíveis e seis produtos de higiene, por carro, como taxa de inscrição, que serão destinados a associações da cidade.

Programação - Mitsubishi Motorsports e Mitsubishi Outdoor Etapa de Curitiba (PR)

13 de setembro - Sexta-feira
Entrega de kits, vistoria, briefing e aula de navegação - 17h às 22h
Endereço: Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300, Campo Comprido - Curitiba

14 de setembro - Sábado
Largada: Parque Barigui
Endereço: Rodovia do Café, BR 277, km 0, Santo Inácio, Curitiba (PR)
7h30 - Entrega das planilhas para Categoria Graduados e largada do Mitsubishi Outdoor
8h30 - Entrega das planilhas para Categoria Turismo
9h00 - Entrega das planilhas para Categoria Turismo Light

A partir das 14h - Chegada e almoço de premiação
Endereço: Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300, Campo Comprido - Curitiba

Fonte: Redação 360 Graus

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

ATENÇÃO CORREDORES DO PARQUE BARIGUI


INSCRIÇÕES ABERTAS NO SITE DA PRO CORRER - http://www.procorrer.com.br/20/

Salve-se da rotina. Participe da Corrida Procorrer 20 anos.

A PRO CORRER esta organizando a Corrida Procorrer 20 anos e lançamos um desafio: convidar um amigo para correr com você. Isso mesmo. Tire um amigo da rotina e junte-se a centenas de apaixonados pelo esporte, correndo por um mesmo objetivo: a superação.

O evento oferece o suporte necessário para promover a integração entre os atletas, amigos e familiares e conta com tendas de fisioterapia e massagem. As vagas são limitadas para a segurança dos participantes, por isso, não deixe sua inscrição para última hora. Vamos mais uma vez, correr juntos por uma vida saudável.

Corrida Procorrer 20 anos

Local: Parque Tingui

Data: 22/09/2013

Horário da largada: 8h

Distância: 12,5km e 6,5km

Participantes: 1.300

Data da inscrição:18/09, ou até completar o número limite de vagas

Valor da Inscrição R$50,00

Parque Barigui terá aulas de adestramento para cães

Aulas de adestramento ajudam a evitar devolução de cães adotados
foto: Valdecir Galor/SMCS
O "cursinho" vai abordar 3 comandos essenciais: sentar, oferecer a patinha e ficar parado. Paralelamente acontece a feira de adoção


O Parque Barigui, em Curitiba, terá aulas gratuitas de adestramento de cães no próximo dia 14 de setembro. As lições, organizadas pela prefeitura da capital, serão ministradas pela voluntária e especialista em adestramento e comportamento canino Maria Cristina Oliveira, e ocorrem paralelamente a mais uma edição da feira de adoçãoAmigo Bicho, que será feita no mesmo local.

O cursinho irá abordar três comandos essenciais para educar um animal: sentar, oferecer a patinha e ficar parado. Ao longo do dia, haverá duas sessões de aulas: uma às 11h e outra às 15h, sendo que ambas terão duração de 45 minutos. Para participar é necessário levar petiscos para os cães – que eles receberão como prêmio por cada atividade realizada. Os cachorros participantes devem ter, no mínimo, três meses de idade.

De acordo com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), a intenção do projeto, que deve ser realizado constantemente junto a representantes de entidades protetoras de animais que fazem parte da Rede de Proteção Animal, é reduzir o número de animais devolvidos depois de adotados e também aumentar o índice de adoção.

Hoje, cerca de 10% de todos os animais adotados voltam para as entidades protetoras, segundo aponta a voluntária do abrigo Amigo Animal Karina Hauer. Conforme Karina, os “ex-donos” alegam os mais diversos motivos para devolver o cachorro ou gato, mas o mais comum seria uma nova residência que não comportaria o bicho.

Para a voluntária, apelar para o adestramento é uma proposta que pode ajudar na convivência do animal com a família, seja ela nova ou velha. “É interessante porque pode ajudar o animal a não pular tanto ou morder tanto. Às vezes, ele não fica quieto, late muito e os vizinhos reclamam. Então, nessas situações, é bom ele aprender um 'não'”, declara.

Feira Amigo Bicho

No dia 14 de setembro, o Parque Barigui recebe a terceira edição do ano da Feira Amigo Bicho. No dia, aproximadamente 80 cães e dez gatos, de diversos tamanhos e pelagens, estarão no local aguardando uma nova família. A feira será realizada das 10 às 16 horas.

Segundo a prefeitura, os animais já estarão castrados, vacinados e microchipados. Para adotá-los, é necessário apresentar carteira de identidade, CPF e comprovante de endereço. Um termo de doação deverá ser assinado, e o novo dono vai receber orientações quanto aos cuidados com o animal.

Microchipagem

Quem já adotou um cahororo ou um gato pode aproveitar o espaço da feira para microchipar o animal gratuitamente - mediante apresentação e carteira de identidade, CPF e de comprovante de endereço. O procedimento consiste em colocar no bichinho um microcircuito eletrônico que contém um código único e inalterável capaz de identificar o animal e o dono dele.

O equipamento é inserido em uma cápsula de biovidro cirúrgico e revestido de substâncias de propriedades antimigratórias, que não causa nenhum mal. O microchip não tem a função de rastreabilidade por satélites. Trata-se de um mecanismo de identificação do animal, que por sua vez, permite que este seja rastreado através de rede de contatos. 

Fonte: Angieli Maros -Gazeta do Povo 

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Mobilização pela causa do austismo

Ao menos cem pessoas, muitas com bebês e crianças, se reuniram ontem no Parque Barigui, em Curitiba, como parte da programação de mobilização nacional em prol do autismo. Houve oficina de cartazes, distribuição de folhetos informativos sobre a síndrome e caminhada pelo parque. O encontro foi marcado porque, nove meses após a sanção da Lei Bere­ci­ne Piana, que instituiu a Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista, familiares de pessoas com autismo reclamam que a legislação não está sendo cumprida. No centro de São Paulo, cerca de 150 pessoas realizaram manifestação pela mesma causa ontem. 

Fonte: Gazeta do Povo